domingo, 1 de abril de 2012

17 Meses

Postado por Nany às 4/01/2012 10:00:00 da manhã
E com 17 meses estás tão crescida. Ainda és bebé como tu mesma dizes, mas já estás a ficar cada vez mais menina e menos bebé.
És uma pinguinha, sabida, safada, atrevida, mimenta, doce e semi-delicada. Sim, semi, que quando te chega a mustarda ao nariz mostras bem o teu feitiozinho.
Andas com mãezite aguda, mas quando te contrario bem que gostas de me arranhar e de furar os tímpanos com os teus gritos estridentes.
Se te contrariam, gritas, arranhas e depois choras muito sentida.
Adoras morangos, de paixão. Comes com satisfação, é mesmo a única fruta que te vejo comer com tanta vontede, são perfeitamente devorados.
Comes praticamente de tudo, mas és esquisita nas frutas: morangos, maçãs e pêras. Bananas nem sempre e as outras nem experimentas. Gostas de te sentar ao nosso colo e comer da nossa comida. Adoras a papa do mano e quase tudo o que ele come.
Adoras pão e pedes sempre, ou porque estamos a comer, ou porque apontas para a lata. Não és muito de bolachas e já te começas a fartas da bela bolachinha maria.
Adoras andar, andar, andar solta. Vais sem medo nenhum e não percebes porquê que não te deixamos subir e descer escadas sozinhas ;)
Estás contipadinha, culpa das alergias e de do teu 8º dentinho.
Dizes mamã, papá, papa, pé, ê mé, bebé. Juntas-lhe agora o caco que pensamos ser rato, mas a verdade é que falas falas mas em saroquês.
Imitas tudo o que o mano faz, especialmente as coisas mais periogosas e gostas muito de brincar com ele, tal como gostas de o arreliar e por a chorar e depois choras por afinidade.
Adoras por-te de pé na secretária pequenina, só para te mandar-mos sentar e é ver-te sorrir com ar malandro.
Dás sempre palmadinhas nas costas quando pegamos em ti ao colo. Pões os bracinhos para cima a pedir colinho e é difícil resistir-te.
Não dás confiança a quem não conheces e choras sempre que vez alguém de bata branca. És atrevida, mas só sorris depois de conheceres a pessoa e de ganhares confiança. Sorris mas rir nem por isso. Guardas o riso para outras alturas.
És a nossa princesa, bonequinha, menina linda, o doce nas e das nossas vidas. Tal como diz o mano, amamos-te Sarinha.

1 comentários:

Nyna on segunda-feira, 2 de abril de 2012 às 13:43:00 WEST disse...

Eheheh gostei da parte do arreliar o mano e depois chora em solidariedade! :D
Parabéns Sara!!!
beijinhos

 

O Meu Cantinho Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Sponsored by Emocutez