terça-feira, 29 de setembro de 2009

Quando o telefone toca

Postado por Nany às 9/29/2009 08:49:00 da tarde 6 comentários Links para esta postagem
E é da creche o meu coração para. Hoje tocou.

-É a mãe do Pedro?.
-Sim.
-Vou passar à educadora.
-Mãe, e a Beta (educadora), só para dizer que o Pedro teve um acidente. (Aqui o meu coração deixou de bater) Estava na varanda a brincar com os amigos ele magoou-se, deitou bastante sangue do nariz e na pálpebra tem um corte pequeno. Já coloquei gelo e ele está bem, não queria deixar de lhe falar e explicar e assim se a mãe vir sangue na roupa já sabe do que é.

Saí disparada do trabalho, cheguei esbaforida.
Não vi sangue nenhum. O nariz está normal e o Pedrocas não se queixa, respira bem. Não tem altos nenhuns e o corte parece uma unhada.
Mas que não ganhei para o susto lá isso não.
Contou-me quem foi, disse que o amigo lhe bateu. Desvalorizei, disse-lhe que não se bate é muito feio e ele tem de ralhar com o amigo se voltar a acontecer, que foi um acidente, sem querer e que o dito amigo não queria fazer-lhe dói-dói.
O amigo foi o filho da tal mãe que trabalha lá com quem tive a pequena questão da entrada na semana passada. ~)
Bjks

As coisas que ele diz que me deixam sem palavras

Postado por Nany às 9/29/2009 10:50:00 da manhã 3 comentários Links para esta postagem
Ontem, à noite, já na caminha:
-O Pêdo quele um bebé. (O Pedro quer um bebé)
-Queres o quê filho?
-Um bebé na baíga, como os da cama da Xusana. (Um bebé na barriga como os da cama da Susana)
Pois, filho também eu :)
A Susana é a ex-auxiliar dele, por quem nós sempre tivemos um fraquinho, e apesar de ele gostar da Débora, a auxiliar que transitou para a nova sala, pede-me volta e meia para a ver e nós vamos à sala dela. Ora, a Xana está no berçário e este ano têm bebés bem pequeninos, a maioria nascidos em Abril, Maio e ele acha piada, daí o pedido.
A questão do bebé na barriga veio da auxiliar que foi de baixa de parto e nós diziamos-lhe que a Paula tinha um bebé na barriga e ele já o viu na cama do berçário.

Hoje, de manhã:
Arranjei-lhe a papa quando lha fui dar vira-se para mim e diz:
-O Pêdo disse que queria papa foi?
Porquê? Porque temos o hábito de lhe perguntar se quer papa. Não que ele possa dizer que não, mas por vezes prefiro dar-lhe um iogurte do que ele não comer nada.
Claro que atrás da papa, perguntamos se quer cócegas, beijinhos, etc e é um brincadeira para ficarmos todos bem dispostos.
Bjks

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Chatei-me só um bocadinho

Postado por Nany às 9/28/2009 10:29:00 da manhã 3 comentários Links para esta postagem
Mas consegui falar de quase tudo. Isto porque uma conversa séria com o Pedrocas a querer ir para casa não dá.
Falei da situação de manhã, disse-lhe que não teve a ver com aquilo que me disseram mas com a forma como o fizeram.
Perguntei acerca do Pedrocas, disse-me que ele ficava muito bem. Que participava em tudo, que não tinha razões de queixa. O horários são diferentes e deixam os miúdos muito cansados, deitam-se mais tarde e acordam à mesma hora. O Pedrocas tem dias que dorme cerca de 1h ou menos de sesta, o que é francamente pouco pois anda de mau humor.
Estão explicadas as birras à tarde, sabendo a causa já as encaro de outra forma e também a maneira de lidar com elas muda.
Não falámos de muito mais, pois é mesmo à entrada e o Pedrocas queria mesmo era ir para casa, estava fartinho de estar ali.
Fiquei mais ou menos satisfeita, mas o resto era de somenos importância.

Bem, falando de coisas mais alegres. O fim de semana passou, fomos comprar mais uns sapatinhos ortopédicos que me custaram 52,50€ que até vi estrelas. Vou lá buscá-los hoje porque ficaram a por os plantares.
Aproveitei para procurar uma prenda de anos e o Pedrocas foi brincar com o pai para o parque infantil. Entalou a parte interior da cabeça do dedo mindinho, fez dois cortes e um belo bocado de sangue pisado, foi uma manhã a esquecer. Ele até nem se queixou muito, estava demasiado ocupado a brincar, mas eu fiquei chateada. Costumo sair com a casa às costas: água, roupa, bolachas, toalhitas, pensos rápidos, toalhitas desinfectantes, brinquedos e como pensei "é rápido, despachamo-nos num instantinho", levei só água e brinquedos. Claro que foi na altura que precisava do resto, é sempre assim.
Á tarde fomos a casa dos meus sogros e ele só se queixou quando tirou o penso, porque queria ver o dói-doi. Ai já estavamos mais precavidos e toca de por outro. Ontem à noite já dormiu sem ele e ponho a Cicalfate para ajudar a cicratização e manter a área mais protegida.
Ontem de tarde fomos à Feira da Luz e lá conseguimos encontrar um mini-carrocel. O Pedrocas adorou, o pior foi mesmo a birra que fez pois queria andar mais e mais (deu 2 voltas em dois carros diferentes). Adorou um churro e o bocado da fartura que a minha vizinha lhe deu (a minha fartura não prestava).
Depois fomos dar farturas à minha mãe, que não foi, pois estava tão aflita dos pés de tanto cansaço que nem conseguia andar. Quis comer mais um bocado de fartura e à primeira trinca já estava farto.
Agora, estou aqui que nem posso, mal consigo manter os olhinhos abertos, pois tive de dar papa às 5h30 da manhã a um piolho que queria ver bonecos e não acreditava que ainda era de noite.
Bjks e obrigada por lerem as minhas deambulações

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Acho que me vou chatear

Postado por Nany às 9/25/2009 11:14:00 da manhã 4 comentários Links para esta postagem
Hoje, quando fui levar o Pedrocas à creche, depois de o convencer, de lhe dizer que tinha de ir não só porque eu vinha trabalhar mas também porque ele tinha lá deixado o livro, chegamos depois das 9h.
Ora, eles têm uma regra que após essa hora não se pode entrar nas salas, tocamos à campainha e vem alguém buscar os meninos à entrada do corredor das salas. Hoje a porta estava aberta, e eu comecei a brincar dizendo-lhe: Anda filhote, corre, entra primeiro a porta está aberta, depressa. Vamos, vai até à tua salinha, ter com os amigos. Vá, vamos entrar.
Ao mesmo tempo estavam a chegar outros meninos e dois da sala dele. Um desses a mãe trabalha lá, na primeira sala do corredor e disse-me logo que não podia entrar, que já passava da hora e eu honestamente, nem ouvi a 100% já que estava a falar com o Pedrocas. Ia tocar à campainha quando ela me disse que já o tinha feito. Vieram buscá-los, e como funcionária a colega perguntou-lhe porque não entrou, resposta: Não, não, é assim, prefiro.
Nada de novo na resposta. Ok. Mas o que me chateou, e porque me vou chatear, não foi a resposta, foi a lição de moral como se eu fosse uma criança. Tenho 33 anos e não 3, lições de moral só dos meus pais. Se me tivessem dito algo do tipo, não entre, é chato, depois todos querem entrar, eu respondia que não ia entrar, que estava apenas a fazer a brincadeira para ele entrar sem choros, sem dramas.
Por isso hoje vou-me chatear. Vou falar com educadora dele (que não sei bem a que horas sai). Vou falar no assunto (sem mencionar nomes), e noutros que me estão atravessados, porque como em tudo há os engraçadinhos e os que caem em graça.
A mãe do Pedro, vai deixar de ser a benevolente, a que respira fundo, que releva, que deixa passar, para ser a exigente, a chata, aquela tal de que se fala aos cochichos. Não queria que assim fosse, mas se tiver de ser será.
Hoje até nem foi muito grave, mas foi a gota de água.
Não quero criar inimizades, até porque é com um dos miúdos que melhor se dá mas paciência. Mas basta uma gota para o copo transbordar e o meu já está a deitar por fora à muito tempo.

quinta-feira, 24 de setembro de 2009

A pica já cá canta

Postado por Nany às 9/24/2009 10:32:00 da manhã 6 comentários Links para esta postagem
E pronto, a pica já está. Agora vamos a treinos e torcer para chegarmos à meta vitoriosos.
Não custou assim tanto, o meu enfermeiro tem jeito para a coisa e senti mais o líquido que a picadela.
As recordações....ai essas, o que me faz lembrar.
Bjks

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Meu querido anjinho da guarda

Postado por Nany às 9/23/2009 03:22:00 da tarde 5 comentários Links para esta postagem
Li numa revistinha, antiga sei, só com uns mesinhos que o teu nome era Omael cujo significado é crescimento. Li também o seguinte: "Está em ligação com pessas quase sempre muito felizes e saudáveis, com tendência para terem vários filhos".
E tenho as seguintes considerações a fazer:

Ponto 1: quase sempre muito felizes - sim, nunca sou sempre muito feliz, mas desde há quase 3 anos para cá que os meus momentos de felicidade se fazem de outras pequenas grandes, enormes coisas, como um sorriso. Posso dizer que sou feliz, tenho família, amigos (e dos outros também), trabalho, ando, corro, salto, grito, choro, riu, posso falar, expressar, sou livre, tenho liberdade e mais do que isso tenho um puto muito muito mas mesmo muito giro.

Ponto 2: quase sempre muito saudáveis - tenho os meus momentos. Neste não estou assim tão saudável, mas não tenho nenhuma doença mortal, não sofro de nenhuma patologia grave. Tenho os meus achaques, as minhas coisas e o pior é mesmo a minha infertilidade. Ok, quando era mais nova e andava na escola pensava que eram os óculos, ninguém gosta de ser chamada caixa de óculos, depois o peso em excesso, que ainda anda por cá, mas o que me faz mais mossa é mesmo a dita (infertilidade).

Ponto3: com tendência para terem vários filhos - aqui, não leves a mal, tenho de fazer uma reclamaçãozinha..... ANDAS A DORMIR NO PONTO NÃO?!?!?!? Não que queira uma dezena de filhos, mas já agora não facilitavas a vindo do 2º? E tinhas de tornar a questão tão complicada.

Já que és o meu anjinho da guarda pões ai (em cima) uma cunhazinha a meu favor, vá lá.... Sim, eu que sempre fui tua amiga. Nunca me meti em nada de grave, sou um bocadito despassarada e trapalhona mas pelo menos tens umas histórias engraçadas para contar nos 5 minutinhos para o café com os outros anjinhos.

Ok, ok, eu sei que não posso reclamar muito, até porque o meu puto é assim ultra, hiper, mega fantástico, um doce de menino, o meu mais que tudo, a luz dos meus olhos, a minha estrela guia, a razão do meu existir e tudo mais. Mas.....(há sempre um mas) não me mandavas uma menina assim tipo ultra, hiper, mega fantástica, um doce de menina, a minha mais que tudo, a luz dos meus olhos, a minha estrela guia, a razão do meu existir e tudo mais, ou outro menino que eu até não sou uma pessoa esquisita. Sim? Vá lá. Sê amiguinho e manda a cegonha com uma criancinha saudável cá para estes lados.

Um beijo grande da tua protegida

PS: Já agora, fala ai com os teus colegas de trabalho e dá mais trabalho à D. Cegonha, é que os protegidos deles também querem filhotes para amar e mimar, ok?

terça-feira, 22 de setembro de 2009

8 Anos e 1 Folículo

Postado por Nany às 9/22/2009 02:50:00 da tarde 4 comentários Links para esta postagem

É isso mesmo. Hoje faço 8 anos de casada.
Há oito anos chovia de manhã e eu preocupada porque o casamento seria ao ar livre, de tarde fez um sol radioso e apesar de nos termos casado dentro da sala as fotos ficaram bem.
Correu tudo bem, não tivemos problemas de acesso pois era o dia sem carros, a única pessoa que se atrasou foi a conservadora (não, não casei pela igreja), porque a noiva chegou a horas.
8 Anos depois temos um pimpolho lindo e estamos em bisca do segundo.
Por falar em segundo/a, tenho 1 folículo de 13,55mm no lado esquerdo. Não está mal como primeira reacção à medicação e está do lado certo, já que a trompa do lado direito esrá obstruída. O Pregnyl já está lá em casa e toca a furar a barriga LOL.
O exame do marido está normal, só faltam os resultados morfológicos que demoram um bocadito mais, mesmo assim vamos às tentativas normais e continuar com a indução até final do ano. Quem sabe Deus não manda a cegonha para estes lados?
Beijocas

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Alguém quer?

Postado por Nany às 9/21/2009 10:24:00 da manhã 5 comentários Links para esta postagem
Uma crise de sinusite/alergia que dura há mais de 3 semanas?
Uma dor nas costas que prende a perna direita?
Alguém??

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Desktop Setembro

Postado por Nany às 9/18/2009 02:36:00 da tarde 0 comentários Links para esta postagem
E com votos de um bom fim de semana, deixo-vos o meu desktop de Setembro, do sítio do costume (link na barra do lado esquerdo em baixo), com cheirinho a verão.
Bjks


PS: Fiz este teste e achei piada, qual o vosso resultado?

Que tipo de mãe você é?Flexível (23 a 34 pontos)
Como a maioria das mães, você se preocupa com o bem-estar e a saúde do (a) seu (a) filho (a) acima de tudo. Você é o tipo de mãe que valoriza os limites impostos, mas também não acha o fim do mundo abrir uma exceção de vez em quando. A conversa é o seu ponto forte, fundamental para o desenvolvimento das capacidades do (a) seu (a) filho (a) e crucial para relações saudáveis e produtivas. Dicas: • Continue a fazer parte do cotidiano do (a) seu (a) filho (a), ponderando prós e contras dos novos desafios, para estreitar cada vez mais esse vínculo afetivo.

Fiz aqui: http://veja.abril.com.br/idade/testes/tipo-mae.shtml

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Consulta Ortopedia e Pinturas Corporais

Postado por Nany às 9/17/2009 01:08:00 da tarde 0 comentários Links para esta postagem
Ontem fomos á consulta de ortopedia, na área cirurgia pediátrica. Como tal o Pedrocas teve direito a ir ao trabalho da mamã, mexer em tudo e ser o menino lindo dos colegas. Até nem estavam muitos, por isso foi bom ter calhado nesta altura.
Na consulta portou-se lindamente , tudo ok, mas necessita de mais uns sapatitos ortopédicos. De resto só voltamos lá para o ano e as recomendações são: andar muito, correr muito, andar de bicicleta, de trotinete, andar também muitas vezes descalço.

Á tarde e como fiz peixe-espada grelhado para o jantar fui comprar umas batatinhas, e na onda, comprei-lhe os marcadores da bic, para crianças láváveis, resistentes e etc. Como a minha mãe ia fazer trabalho de noite telefonei-lhe a desejar-lhe bom trabalho, e na altura que falava com ela e via as batatas e peixe ao lume, deparei-me com esta linda pintura corporal :)
Com pilhas de papéis, blocos e afins para escrever o Sr. Pedrocas achou melhor tela o seu próprio braço.
A tinta saiu bem e aqui fica a foto para a posteridade. Disse-lhe que não se escreve nos braços, nem na roupa, só no papel e espero que ele não se dê a estas expressões artísticas muitas vezes (sim, porque não me convenço que seja a última que isto vai acontecer).
Beijocas

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Preparem a Lagartixa

Postado por Nany às 9/15/2009 10:07:00 da manhã 6 comentários Links para esta postagem
Sabem o que é?
A versão do Pedrocas do Partida. Lagarta. Fugida.
E tudo porque ele gosta de fazer sprints como os meninos da televisão.
:))))

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Fim de semana

Postado por Nany às 9/14/2009 11:15:00 da manhã 4 comentários Links para esta postagem
No Sábado fomos ao Badoca Park e o Pedrocas adorou. Ele correu, brincou, trepou, sujou-se mas sobretudo divertiu-se. Não dormiu grande coisa mas andava sempre bem disposto, livre e solto, sem stress de carros a passar, não vás por ai, cuidado e etc. É bom ter um espaço amplo em que eles possam correr, gastar energias e sentirem-se livres.
Fomos com a minha mãe e almoçámos lá no parque das merendas, com direito a pavão para comer as migalhas e tudo.
No Domingo estive adoentada, cheia de dores nas costas e com a sinusite em alta. Tenho andado com uma grande crise mas ontem não tinhas forças para levantar um gato pelo rabo, mesmo assim fomos ao parque infantil descer no escorrega, porque nem chutar a bola eu conseguia.
Hoje não chorou muito na creche, disse-me adeus da janela a rir-se, mas custa na mesma. A separação, o ele dizer que não quer ir, eu a querer não vir trabalhar e ficar com ele em casa. Mas a vida é assim e temos de trabalhar.
Eu gosto de trabalhar, não é isso, tenho as minhas tristezas porque aqui não se evolui nada e não dão oprtunidades a ninguém e isso deita-me abaixo, mas ainda bem que trabalho. Digo isto não só pela parte monetária (não ganho muito mas contribuo com algo), mas porque não seria capaz de estar em casa só a tratar da casa e dos filhos.
Adoro o meu filho, amo-o de paixão, mas para mim e para ele é bom termos outros com quem conviver, outras coisas a fazer, novidades para aprender e descobrir.
Sou daqueles mulheres/mãe que acho que filhos e carreira são absolutamente possíveis. Á situações e alturas em que se chocam, mas não são incompatíveis. Para me sentir realizar, ou para lá caminhar preciso de ter várias facetas na minha vida, uma só não chega.
Evidentemente, quando o meu filho precisa de mim o trabalho fica sempre para segundo plano, como a minha mãe costumava dizer quando eu era pequena "filhos tenho um trabalhos há muitos".
Não acho que sejam uma desculpa para quem não quer fazer. Por ele e por causa dele faço mais agora do que antes de ele nascer. Compenso sempre e esforço-me muitíssimo mais.
Claro que isso não invalida o facto de se me fosse possível ter o Pedrocas só a meio termo na creche. Como não é não fico a chorar por isso e nos tempos que correm ainda bem que trabalho.
Espero que gostem da foto do jeitoso, tenho várias mas achei esta um espectáculo. cara de reguila como só ele.
Bjks

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Tou zangado com mãe!

Postado por Nany às 9/11/2009 11:35:00 da manhã 6 comentários Links para esta postagem
E foi com esta bela frase que o Pedrocas me recebeu ontem quando o fui buscar à creche.
Eu perguntei-lhe porquê e respondeu:
Mãe foi totão kate, Pêdo na queche. (Mãe foi ao tostão para o skate e o Pedro ficou na creche)
Mereço? Anda uma mãe a criar um filho para isto.
Já em casa, depois de jantar enquanto brincava com ele, fou buscar umas imagens do Ruca para pintar e ele não lhe apetecia que eu mexe-se nos papés e voltou com a mesma: Tou zangado com mãe! E porquê? Porque eu lhe estava a mexer nos papéis.
Isto sempre com ar compenetrado. A primeira com ar sentido e algo magoado, a segunda ultrajado porque eu estava amexer nos papéis e não lhe apetecia pintar.


Por falar em pintar, deu-me a "macacoa" e pintei as unhitas de vermelho. Tenho 3 vernizes vemelhos, o da imagem mais claro e 2 bem mais escuros. De resto transparentes e cor de baunilha e um cor de rosa clarinho, embora estivesse sentada pelo rosa mais rosa, mas depois desisti.

Pronto digam o que quiserem, mas de vez em quando dá-me assim umas destas :)
O melhor foi o Pedrocas também querer e pediu-me para por igual nas unhas dele (que não me viu pintar as minhas) e o resultado foi este (claro que com transparente). A mãe tem o Pedro quer LOL:

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Ficou outra vez a chorar

Postado por Nany às 9/10/2009 02:40:00 da tarde 2 comentários Links para esta postagem
Hoje mais uma vez o Pedrocas ficou a chorar.
Pergunto-lhe se godta da creche, diz que sim. Pergunto-lhe o que faz, diz que brinca com os amigos.
De manhã só não quer ir porque está a ver algum desenho animado que o interessa mais. Quer o colo do costume, atirasse aos brinquedos e depois, bem depois vem o pior da história que me deixa de coração apertado: chora, chora, chora e grita por mim.
E eu? Faço das tripas coração, falo com ele, tento acalmá-lo, e por fim tenho de o deixar ouvindo-o chorar e gritar até na rua.
Dizem-me que anda muito sensível, ninguém lhe pode fazer nada que chora muito. Ontem sentou-se num cantinho triste.
Eu, conto as horas, os minutos e segundos até o ir buscar. Não sei o que mais fazer.
Despeço-me? Pois, ainda não me saiu o euromilhões e não tenho rendimentos dos quais viver, preciso de trabalhar.
Não dou atenção? É muito difícil, tento mas passo o dia inteiro a sentir-me a PIOR das mães, um MONSTRO horrível que abandonou o filho.
Exagero, talvez, mas é assim que me sinto. Não é um dia, dois, mas todos os dias desta semana.
Amanhã fica em casa com o pai pois a creche está fechada. Se a coisa assim continua vai o Pai levá-lo porque eu já não aguento.
Diz que não que a mãe, que quer o pai. Punição tipo: "Toma lá para aprenderes a não me deixares na creche". Depois grita por mim e não quer mais ninguém.
Falo com ele, explico-lhe porque tem de ficar na creche. Entende, repete-me tudo passado algum tempo. Pergunta-me sobre isso, diz que "mamã totão, Pêdo binca com os amigos" e depois, na hora H chora, chora, chora e grita muito.
Está a custar-me muito, não sei que mais fazer. Apetece-me chorar também, como ele.

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Consultas

Postado por Nany às 9/09/2009 02:07:00 da tarde 3 comentários Links para esta postagem
Ontem a do Pedrocas no otorrino. O dreno do lado esquerdo já saiu, o do direito lá para final de Outubro, princípio de Novembro devemos retirar.
De resto está óptimo e recomenda-se. Não disse nada quanto à tosse e está saudável.
Ficou novamente a chorar na creche, vim de lá de coração ultra pequenino.


A minha na Ava Clinic hoje. Estava nervosa, não sei bem poruqê, até porque não é exactamente a minha 1ª consulta, mas é assim.
Plano de actividades, tentar com indução e monotorização de ovulação até final do ano a não ser que o espermograma do marido tenha algo a assinalar. Já tenho a receita de Dufine + Pregnyl e menos 90€ na carteira, mas pronto é por uma boa causa.
Ainda não comprei os medicamentos, compro quando o queridinho aparecer, já agora alguém sabe como o fazer aparecer mais depressa?
Entretanto aproveitámos que até nos despachámos depressa e fomos comprar um candeeiro para a cozinha que o outro pifou de vez e almoçámos os dois no Colombo. Há tanto tempo que isto não acontecia que parecia estranho.
Agora estrámos na época de contenção de despesas mais apertada por isso almoços/jantares fora só em último caso e por razões muito especiais.
Será desta que vem a menina? Não sei, o Dr também disse que é uma questão de tentativa, meninos já sabemos fazer. Se vier outro menino fico muito contente na mesma, só queria é que não demorasse muito.
Bjks

terça-feira, 8 de setembro de 2009

De volta

Postado por Nany às 9/08/2009 11:04:00 da manhã 4 comentários Links para esta postagem
Estou de volta ao trabalho, as férias por agora terminaram, guardei uns diazinhos para uma ou outra necessidade mas férias só para o ano.
Correram bem, passadas entre casa, praia, idas ao escorrega, andar de trotinete e bicicleta, jogos à bola, mimos e mais mimos e momentos bem passados com os amigos.
Vim um aninho mais velha, numa dupla de ímpares, já cá cantam 33.
O Pedrocas está cada vez mais lindo, mais reguila, mais senhor do seu nariz, mais doce. Tem saidas engraçadas, conversas que me deixam sem palavras. Continuamos com as nossas histórias à noite, mesmo que já tenham sido contadas dúzias de vezes.
É um doce adorável, quando não quer não quer e chora se falarmos com ele mais alto.
Gosta de ir à creche, gosta de comer na sala dos crescidos, mas pede para ir brincar na sala dos bebés (tinham mais brinquedos disponíveis) e chora quando o deixo o que me faz vir de coração pequenino.
Agora repere umas palavritas estranhas como fôgasse, que detesto mas não dou grande importância para ele não dar e digo-lhe às vezes para dizer fogo.
Anda viciado em bonecos e mais bonecos e tirando as alturas que aproveito para fazer qualquer coisa mudo de canal, desligo a tv e pronto.
O dormir é sempre a mesma coisa, uma autêntica perda de tempo e de tarde é porque está "muito de dia", de noite é sempre mais uma história mais uma conversa.
Adora música e pede-me a guitarra, o violino e o piano e adora tocar na flauta.
É um menino lindo que nestas férias deixou para trás o bebé. Fiquei cheia de saudades mas mesmo assim adoro vê-lo crescer mais e mais. Descobrir, explorar e como ele não tem muita noção do perigo nem medo, lá vai explorando e eu tendo ataques cardiacos.
De resto tudo bem, o trabalho na mesma. Parece que ontem sai daqui e não que estive 4 semanas fora. Nada muda e sinto-me completamente estagnada. Mas isso fica para outro post.
Deixo-os com uma foto do meu peixinho lindo que adora água, molhar todos, fazer bolos para o mar comer e buacos para a água entrar.
Beijocas

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

1º Dia na Creche

Postado por Nany às 9/02/2009 02:56:00 da tarde 6 comentários Links para esta postagem
É hoje. De manhã ficou bem e não vejo a hora de o ir buscar.
Comecei desde cedo a prepará-lo, a dizer que ia brincar com os amigos, viamos o cd com as fotos do ano passado. Fomos cedo porque só podemos entrar na sala até às 9h e ficou muito bem, a brincar com o piano.
Eu vim com a lágrima no olho, de saudade, de orgulho, de sentimentos vários que não consigo explicar.
Faltam-me as histórias, a tv sempre no Panda ou no Disney, o meu companheiro para o café, o mãe conde tás? (mãe onde estás?).
Ele está a crescer, eu estou a ficar sentimental. Estou cada dia mais babada. Ele cada dia fala mais, cresce mais, fica mais reguila e imensamente mais lindo, fofo. A cada dia o amo mais e mais.
Por volta das 16h30 vou buscá-lo e logo vejo como correu. Amanhã fica mais um pouquinho e depois mais outro pouquinho.
Na segunda vou trabalhar e voltamos à rotina, mas fazem-me faltas as histórias à tarde, o negociar as 2 e quais 2. As voltas na cama, o mamã tou aqui, os beijos, os mimos até dormir. Faz-me falta, muita muita falta.
Bjks
 

O Meu Cantinho Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Sponsored by Emocutez