quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Operação-III

Postado por Nany às 1/29/2009 11:28:00 da tarde 8 comentários Links para esta postagem
Correu tudo bem graças a Deus.
O dia começou cedinho, às 9h30 já estavamos na Clínica porque a operação era ás 10h. O Pedrocas que raramente pede leite de manhã, hoje pediu e eu tive de arranjar uma história para ele se esquecer, pois tinha de ter 6 horas de jejum.
O médico chegou atrasadíssimo e fomos atendidos ás 11H45 (ora operação). O que valeu foi estarem mais dois meninos á espera e sempre brincaram juntos.
Deram-lhe um sumo que o deixou grogue e um supositório que ele detesta. esteve sempre bem disposto e só ficou chateado quando o levaram pois eu e o pai ficámos para trás. Nessa altura tive de sair da sala de recobro senão juro que entrava com ele na sala de operações.
Passados 10m estava feito, colocaram um dreno em cada ouvido e fizeram raspagem aos adenóides. Segundo o médico ele estava muito entupido e surdito.
O pior foi depois: as crianças normalmente não acordam bem das anastesias pois estão desorientados e não sabem o que lhes aconteceu. O Pedrocas acordou a chorar e aos gritos. Foram mais de 2 horas de choro inconsolável, aos gritos no meu colo.
É horrivel, eles cospem sangue (quando conseguem) e trazem o nariz a pingar. Choram inconsolavelmente e ainda estão sobre os efeitos da anastesia por isso não entendem bem as coisas. O Pedrinho dizia que queria chão e nada o sossegava. Foi horrível e muito angustiante ver o meu filho assim sem conseguir fazer nada.
O médico e outras pessoas já me tinham avisado mas nada no mundo nos prepara para algo assim.
Depois de tanto chorar adormeceu cerca de 1 horinha. Acordou quando o médico lá foi pela última vez dar a alta e tirar as compressas dos ouvidos.
Recomendou não deixae entra água nos ouvidos até irmos à consulta (7 Fevereiro), e nela falariamos de uns tampões à medida. Só pode sair de casa muito pouco tempo no Sábado, para local protegido se não estiver muita chuva ou vento. Vamos ficar estes dias e a próxima semana em casa, nada de creches. Já tinha decidido isso.
Agora está a dormir e tem estado bem. Não se queixa com dores e está rabujento (normal tadinho) e não quer comer muito, só pede leitinho (no qual misturo um pouquinho de papa) e consegui dar-lhe um iogurte tamanho danoninho (uns do continente marca é que ele adora).
A mim e ao pai só nos bateu quando chegámos a casa e descobrimos que tinhamo muita fome, almoçámos às 4 da tarde. A seguir fiquei cheia de sono, mas agora não consigo dormir, receio que ele precise de mim e não o ouça.
Obrigado pelas vossas palavras e orações. Prometo que depois deixo um beijinho nos vossos cantinhos. Vou dando notícias conforme conseguir vir ao computador.
Bjks

PS: Zezinha, amanhã vai correr tudo bem, força amiga.

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Operação-II

Postado por Nany às 1/28/2009 11:51:00 da manhã 12 comentários Links para esta postagem
É já amanhã.
Estou preocupada, cansada, com medo, cheia de borboletas no estômago e o coração já nem bate de tão apertadinho.
Sou católica mas não religiosa ferrenha. Gosto de falar com "alguém" e saber que me ouvem. Acredito em Deus mas não casei na Igreja nem baptizei o meu filho. Sigo um "catolicismo" diferente. Tenho alturas em que estou mais próxima de Deus, outras que nem tanto.
Tenho um grande milagre na minha vida do qual dou graças todos os dias e nestes momentos rezo mais. Fico mais calma, confiante e consigo aguentar os contratempos melhor.
Por estas e outras razões peço, volto a pedir e imploro que Deus esteja ao lado do Pedrocas e que guie as mãos do médico para que tudo corra bem amanhã.
Assim que der eu dou notícias.
Obrigado por estarem ai a lerem os meus devaneios.
Bjs
Nany

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Beijar

Postado por Nany às 1/27/2009 02:27:00 da tarde 5 comentários Links para esta postagem
Diz o Dicionário da Língua Portuguesa On-Line que o beijo o é acto de poisar os lábios nalguma pessoa, ser ou coisa em sinal de amor, afeição ou veneração; ósculo; contacto leve.
E eu que me queixava que o Pedrocas beijava todos menos a mim, que o Pai era o grande felizardo, ando a ganhar umas beijocas boas.
Comecei por brincar quando ele não em queira dar beijinhos, dava eu, por vezes à revelia e com alguns safanões para me afastar, agora ando contente. Eu dou beijinho, ele dá, dou eu, dá ele. Andamos assim.
Para ele dormir é sempre uma festa e anteontem era beijinho ao Pai, a mim, à tv, e dava eu ao Pai, ele a mim, etc. Como dávamos beijinhos na boca o Pedrocas achou o máximo e a brincadeira era, um beijo no Pedrocas dado por mim, outro do Pai e da Mãe, outro dava o Pai ao Pedro. Ele ria à gargalhada e ficou cheio de soluços.
Até ando a conseguir beijocas de manhã quando o vou levar à creche!!!
Espero que o vicio tenha chegado para ficar.
Bjks
Nany

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

E porque temos de aligeirar a coisa, e ainda a Operação

Postado por Nany às 1/26/2009 02:03:00 da tarde 1 comentários Links para esta postagem
...senão a mamã (eu) entra em stress, pânico, etc. O Pedrocas está bem, apesar da tosse e ranhinho. Comprámos água do mar Unimer e aspiramos o nariz, para além de ter a cabeceira da cama levantada. Um dos objectivos da operação é melhorar a respiração, por isso estamos confiantes (Deus estou a falar de ti), que vai ficar tudo melhor.

A brincadeira:






Você é "Imensidão Azul" de Luc Besson. Você é sonhador, único. Muito sublime e encantador(a).

Faça você também Que
bom filme é você?
Uma criação deO
Mundo Insano da Abyssinia









A solidária, vi aqui A cegonha cor-de-rosa e como sigo esta mamã e defendo que o apoio é algo grátis e valioso, deixo aqui o meu. Se alguém quiser apoiar leve o selo.
O link da menina em questão, para quem não sabe da história é http://beriquerserfeliz.blogspot.com/
Bjks
Nany

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Consulta-II & Operação-I

Postado por Nany às 1/23/2009 10:13:00 da tarde 4 comentários Links para esta postagem
A cosnulta correu bem, as análises estão normais. A operação é dia 29 Janeiro 2009 (quinta-feira) às 10h da manhã.
Vai ser operado aos 2 ouvidos e ao nariz para melhorar a audição e a respiração com anastesia geral. Como indicações trouxemos:
Alimentação:
Nas 6 horas antes não comer nem beber nada. Até 24h depois pode tomar leite, água, sorvete, iogurtes, caldos, sumos, tudo gelado.
Do 2º ao 3º dia caldos, sumos, leite purés, ovos mexidos, açorda, tudo frio.
Do 4º ao 5º dia massas, arroz, bifes raspados, peixe, morno.
A partir do 6º dia almentação habitual.

Recomendações para o doente
Ficar no queros 1/2 dias.
Verificação da temperatura nos primeiros 3 dias a seguir à operação. Pode levantar-se mas deve ficar em casa bem agasalhado.
Por sair a partir do 3º dia mas sem apanhar frios e/ou chuva.
A partir do 6º dia vida normal.
Vigilância intensa nas primeiras 48h e do 6º ao 8º dia (perigo de hemorragias)

A evitar pelo doente
Falar, gritar, saltar, escarrar (pode provocar hemorragias).
Evitar presença pessoas constipadas ou outra doença.
Evitar constipar-se ou tossir.
Fazer gargarejos e só pode lavar os dentes a partir do 5º dia.

É normal acontecer
Dores de garganta quando o doente engole ou fala, e dores de ouvidos nos primeiros 4 a 5 dias.
Temperaturas até 38º nos primeiros dias a seguir à operação.
Hálito fétido a partir do dia seguinte à operação.
Cuspir saliva ensanguentada nas primeiras 24h.
Urina escura e fezes cor de borra de café.

De acordo com o médico são tudo sintomas normais. Algumas das recomendações serão mais complicadas com uma criança de 2 anos.
O que mais me irrita são as dores e febre.
Até lá vou rezar muito e pedir a Deus que esteja com o meu menino. No dia mais ainda e depois também.
Peço que orem por nós também.
Bjks e bom fim de semana

Consulta - I

Postado por Nany às 1/23/2009 11:45:00 da manhã 1 comentários Links para esta postagem
A consulta é hoje, ao final da tarde.
Vamos mostrar os exames feitos na 2ª e talvez se marque a operação.
O Pedrocas anda de nariz entupido e cheio de tosse. Esta foi uma daquelas noites.
Andamos todos entupidos lá em casa.
Depois conto novidades, assim que puder.
Bjs

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

A festa dos 2 anos

Postado por Nany às 1/21/2009 01:36:00 da tarde 6 comentários Links para esta postagem




A festa teve duas versões: a da creche e a de casa. Na creche foi mesmo no dia de anos, levei um bolo, umas lembrancinhas (caixinhas com mini bolachas maria que podem ver na foto) e eles adoraram. Cantaram os parabéns è hora o lanche, fizeram-lhe uma coroa e divertiram-se.
O convite e a lembrança forma feitas pelo pai, seguindo as indicações (exigências) da mãe. Espero que gostem. Como lembrança para as crianças demos rebuçados e chupas já que eram meninos mais crescidos em casa.
O bolinho do Dibo foi feito pela Sofia e estava delicisoso. Nos links da Comidinha encontram o do blog dela. Além de ser super querida e paciente fez um bolo lindo do qual não sobreu nada, até repetiram, estava mesmo bom.
A mesa ainda estava em preparação mas decidi tirar a foto antes do Pedrocas acordar, porque depois não dava e ainda bem que assim fiz. A faixa dos parabéns e os balões espalhados a decorar a sala fizeram delicias e ele ficou super espantado ao vê-los.
Adora a sua batata frita e espreitava à janela enquanto me pedia mais.
Soprou a vela à primeira com um ar super compenetrado, muito importante e principalmente deliciosamente feliz.
A foto da coroa foi no dia de reis em que ele decidiu ajudar-me a lavar a loiça e lavou o mesmo sítio da bancada o tempo todo. Agora chora e faz birra porque quer lavar a loiça, vai buscar o banco para me ajudar, e adora mexer ana água. Eu deixo-o ir fazendo quase sem água nenhuma e atrás dele sem ele perceber (se se sente agarrado fica chateado), por causa das quedas e ele adora, vibra com aquilo. Quero ver se mais tarde quando lhe disser para me ajudar vai de tão boa vontade.
Espero que gostem das fotos. Elas estão com bonecos e com o belo do "C" do Copyright porque o blog é publico. Gosto de mostrar as fotos mas também tenho medo por isso ando a divertir-me a colocar marcas de água e pequenos bonecos escondidos. É uma maneira de aprender a trabalhar com os programas também, por isso as próximas não serão exactamente iguais.
Bjks grandes
Nany

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Isto não está fácil....

Postado por Nany às 1/19/2009 05:10:00 da tarde 4 comentários Links para esta postagem
Este ano tem sido complicado, senão vejam: comecei com a máquina da roupa a estoirar e toca de ter de comprar uma nova. A minha mãe tem estado muito doente, cheia de tosse e recaídas para mais de 2 meses, com antibióticos que não fazem efeito. Na semana passada assaltaram a carrinha da firma com a qual trabalha e levaram mais de 400€, fora os papéis importantes que continha.
Fiquei a saber que o meu cunhado tem a coluna toda estragada, as vértrebas estão gastas, isto com 33 anos.
A cereja no bolo é saber que o Pedrocas tem de ser OPERADO. No Sábado fomos ao otorrino mostrar os exames e de acordo com ele o Pedrocas tem de ser operado pois tem líquido no timpano e os exames acusam surdez. Vai também fazer uma raspagem aos adenóides.
Como ele fazia otites atrás umas das outras eu decidi marcar uma consulta no especialista. Disse logo que tinha amigdalas grandes e que talvez tivesse de ser operado, mas eu fiquei na esperança que não. Mandou fazer um rx e uma timpanografia e mediante o resultado desses exames o diagnóstico foi esse.
Penso que por um lado fiz bem em ir ao médico, por outro não sei, penso que é por minha culpa que ele vai ser submetido à operação. O Pai, mais racional acredita ser melhor assim e eu no fundo também. Ele foi visto por um especialista e tudo se descobriu mais cedo, mas mesmo assim tenho um aperto no peito e o coração está muito muito pequenino.
Hoje fomos fazer as análises e não sei quem chorou mais, se ele se eu. Portou-se que nem um herói, a mãe nem por isso. Na sexta vamos a outra consulta mostrar o resultado e partimos daí.
Estou cansada, chorosa e sobretudo com RAIVA.
PORQUÊ????????
O médico diz que é uma operação de 10m que nem sequer leva pontos, só a colocação de um dreno do tamanho da ponta de uma esferográfica. Mas para mim o ideal seria não ter de ser necessário.
Fora isso fomos ao C. Saúde à consulta dos 2 anos e está com 12,910kg e 87cm.
Ontem foi a festinha cá em casa com a família e amigos. Prometo que depois mostro fotos dessa conto tudo. Até porque preciso de pensar em coisas boas, mas para já ando a digerir esta situação.
Desculpem se não vos visito mas ando com a cabeça num oito.
Bjks a todos
Nany

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Postado por Nany às 1/16/2009 04:26:00 da tarde 1 comentários Links para esta postagem
Este era o velho look, espero que gostem do novo.
Ainda não sei funcionar mt bem com isto e uma coisa que não sei por são as barrinhas que tinha. Como se poem????
Please HELP

PS: Faltam links mas estão em construcção.

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Postado por Nany às 1/13/2009 02:31:00 da tarde 13 comentários Links para esta postagem


2 ANOS!!!!!!!
PARABÉNS AMOR LINDO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
2 anos se passaram daquele dia frio de Inverno em que o sol brilhou intensamente às 13H35.
Não chovia, fazia frio mas suportável. Um dia normal para tantos, tão diferente para nós.
Acordámos cedinho sem quaisquer sintomas de parto, mesmo depois do quarto de comprimido tomado religiosamente à meia noite. Tomámos banhinho, vestimo-nos e ai fomos nós.
Chegámos à clínica antes das oito da manhã, hora marcada para nos receberem. Fomos bem acolhidos, tinhamos o quarto preparado e até podiamos escolher outro, mas quisemos ficar ali, tinha sido onde em Novembro conhecemos mais uma priminha.
Foi só vestir a camisa, deitar na cama, ligar o CTG, por o soro e a oxitocina e aguardar.
Estava tudo muito bem, as enfermeiras foram muito simpáticas, a médica chegou bem disposta às 9 horas, a contar as peripécias da quarta gravidez. Tudo ok, tudo certo para avançar.
As contracções chegaram rápido e bem fortes, o anastesista foi chamado e após várias tentativas a epidural operou maravilhas.
Todos foram almoçar, ficámos nós e uma enfermeira, de repente as águas rebentaram, toca ir a correr para o bloco e depois de fazer força algumas vezes, nascias tu. LINDO, MARAVILHOSO, CHORÃO.
O som mais lindo que ouvi, o teu choro. Colocaram-te no meu peito, olhas-te para mim e disse-te que estava ali, a mamã estava contigo, refilas-te mas depois ficas-te quietinho a observar tudo.
A pediatra tratou de ti e o papá babado levou-te a conhecer a avó que aguardava ansiosamente cá fora.
Todos te vinham ver e conhecer, eras o único menino da maternidade (o outro bebé, uma menina estava na incubadora).
13 Janeiro 2007, o dia mágico das nossas vidas. O melhor dia da minha vida.
Desde então a minha vida tem sentido, descobri o meu propósito, as coisas encaixam-se melhor.
Hoje festejas com os teus amiguinhos na Creche, não posso estar contigo nessa altura (mais ou menos por agora), mas para além de estares sempre nos nossos corações, sei que estás feliz com os teus amigos.
Desejo que a vida te sorria sempre, que Deus olhe sempre para ti com bondade e benevolência. Que aprendas a caridade, a amizade, descubras o amor. Que os momentos de infelicidade e tristeza sejam poucos e fugazes.
AMO-TE MUITO FILHOTE.
MUITOS PARABÉNS
Nany

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Postado por Nany às 1/12/2009 01:01:00 da tarde 5 comentários Links para esta postagem
Para TI meu filho,

Lembras-te de há 2 anos? De quando ainda estavas na minha barriga?
Da excitação, do friozinho da espinha, da antecipação pelo dia seguinte, da alegria, da ansiedade e da enorme calma?
Há 2 anos era sexta-feira e fazíamos 39 semanas. Desde as 38 que tínhamos dado o grito da liberdade, já não eras prematuro e podias nascer quando quisesses. Estava tudo combinado com a médica que nascerias no dia seguinte. As malas estavam feitas, tudo arrumadinho, tudo à tua espera.
Nessa última semana passeámos os dois, arrumámos a tua roupinha toda outra vez nas gavetas, fizemos novamente a mala, tudo porque até aí o medo era muito, os cuidados e as indicações médicas levadas à letra. Já que não tinha podido fazê-lo antes nessa última semana fiz tudo aquilo que queria ter feito durante a gravidez e não podia.
E os nossos passeios? Sempre no mesmo sítio, também devido ao frio, mas com muita vitalidade e alegria. Mexia-me muito bem para uma grávida em fim de tempo diziam-me, mesmo com uma barriga enorme. Depois de passar 5 meses em casa, entre cama – sofá - cama, sempre com medo de um cansaço maior, de um movimento mais brusco, com tantos sobressaltos desde o início, agora estava a extravasar toda a energia acumulada.
Lembras-te dos filmes que víamos, as séries, os desenhos animados, as nossas leituras, as histórias que te contava, as músicas que ouvíamos, a que te cantava todas as noites antes de dormir, das nossas sestas, do desejo pelo bacalhau com grão e do bifezinho a saber a alho, do arroz doce da avó?
Lembras-te da enorme barriga? Era enorme e dava-me uma alegria e orgulho imenso. Adorava exibi-la, mostrá-la, empiná-la. A barriga que tanto custou a chegar, que tanto lutámos para que vingasse agora estava aqui.
Lembras-te de quando acariciava a barriga vinhas sempre para debaixo da minha mão e ficavas ali aninhadinho?
Lembras-te de fazeres das minhas costelas esquerdas um tambor para exercitares os teus pezinhos? E das cócegas que te prometi fazer quando nascesses?
Lembras-te do amor que te dizia que tinha? De senti-lo?
Esse amor nasceu quando tu começas-te a existir dentro de mim e tem vindo a aumentar desde então. Mesmo durante as birras (como a desta noite e especialmente a de hoje de manhã) ele está sempre lá. Um amor sempre presente e crescente, um orgulho cada vez maior. Como o da música que tanto gostas “gosto de ti como daqui até à lua, gosto de ti como da lua até aqui”, mas mais ainda um amor que não cabe dentro do peito, que o universo não tem tamanho suficiente para o conter.
ADORO-TE e apetece-me gritar.
Gritar que és o filho que sempre pedi a Deus.
Gritar que és MEU filho.
Gritar que te AMO.
Gritar que sou tua MÃE. Que sou MÃE. Que por ti tudo, sem ti nada.
Gritar que sou FELIZ porque TU existes.
AMO-TE MUITO MEU FILHO, MEU QUERIDO PEDRO.

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Postado por Nany às 1/09/2009 01:15:00 da tarde 2 comentários Links para esta postagem
Signo do mês: Capricórnio

As crianças nascidas sob o Signo Capricórnio conquistam a sua autonomia lentamente, ao longo do processo de crescimento. Como não gostam de falhar em nada, lançam-se em tudo o que fazem com muita cautela e só quando têm a certeza absoluta de que vão triunfar é que avançam.
Mostram normalmente aos que as rodeiam uma aparência distante e desprendida, mas este comportamento não passa de uma capa que utilizam para esconder a sua forte sensibilidade.
Têm receio de ser rejeitadas pelas pessoas que amam, o que as leva a construir à sua volta muralhas de protecção, não demonstrando os seus sentimentos com facilidade.
Não costumam pedir demonstrações de carinho e afecto, preferem antes que as pessoas que as rodeiam o façam espontaneamente.
Estas crianças têm uma personalidade bastante sólida e cedo evidenciam maturidade. Gostam de jogos construtivos e lógicos.
Escolhem dois ou três brinquedos como seus predilectos e conservam-nos durante muito tempo junto de si. Preferem jogos de construção, assim como aqueles que lhe permitam afirmar o seu domínio sobre as formas, o espaço e o movimento.
A nível de saúde têm alguma predisposição para dores nos membros inferiores. A sua pele também requer alguns cuidados, pois tem tendência a secar demasiado. Agasalhe bem o seu filho de signo Capricórnio pois o frio não é o melhor amigo dos seus ouvidos e da sua garganta.
O seu sono será profundo, principalmente quando se sentir em segurança e calorosamente confortável. Nada o acordará, e mesmo que à sua volta haja ruídos ou movimentos bruscos dormirá calma e profundamente como um anjo. Acorda lentamente, sem qualquer tipo de pressa.
http://familia.sapo.pt/artigos/actualidade/horoscopo_do_bebe/907472.html

Capricórnio
Relação com os outros: Vai precisar da atenção de todos. Está com tendência para andar um pouco triste. Adora atenção e gosta muito de fazer aquilo que fazemos, tipo lavar arroz e etc
Relação com os pais: Mostre ao seu filho todo o amor que sente por ele. Precisa de ganhar auto-confiança. Todo o amor do mundo, com muito mimo e bejocas e abracinhos ao ponto dele me afastar
Cristal do Mês: Ametista, relaciona-se com a mente humana, aumentando o poder de concentração e de aprendizagem. Adora aprender coisa novas e é muito curioso, desmonta tudo para chegar ao âmago da questão
Anjo protector do mês: Leilael, protege em caso de uma doença, ajuda a evitar a inconstância, trazendo progressos.
Pedido: Anjo Leilalel, portador da ajuda, traz protecção para a vida do meu filho. Peço sempre a Deus
http://familia.sapo.pt/artigos/actualidade/horoscopo_do_bebe/907472-5.html

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Postado por Nany às 1/08/2009 01:54:00 da tarde 4 comentários Links para esta postagem
É como tenho andado. É a casa, o trabalho, a família, o blog, tudo neste ano decidiu começar bem cedo.
Aqui pelo blog vão acontecer algumas mudanças, quero alterar o aspecto mas ando a controlar-me nos bonecos porque senão mais parece uma árvore de Natal. Ao mesmo tempo quero algo pessoal, mas como em matéria de computadores sou uma naba (por isso é que me casei contigo, ouvis-te querido), demoro mais tempoa chegar onde quero realmente.
No trabalho as coisas estão na mesma mas queria muito mudar, para melhor claro.
A família é um trabalho diário, temos de trabalhar nela realmente ou então corremos o risco de deixar de ser família.
O que está mesmo under construction é a festinha do Pedrocas. Os €€€€ andam muito curtos, especialmente após os últimos acontecimentos e temos de repensar certas coisas. Os convites que já deviam estar feitos são a minha dor de cabeça porque o papá querido ainda não pegou na coisa, devem vir a ser entegues apenas no dia....pois :(
Ontem não tivemos grande festa para adormecer, contei-lhe umas histórias sentadinhos os dois no sofá depois de estarmos a brincar, mudou-se a fraldinha, bebeu o leite, pusemos a televisão a dormir, deitei-me ao lado dele e em menos de 5 m estava a dormir. Espero que seja para continuar.
As birras de manhã na creche continuam terríveis para ficar e saio sempre de lá com o coração destroçado. À tarde anda sempre todo alegre e bem disposto e mostra-me tudo, farta-se de correr e não quer vir para casa. Vá-se lá entender.
De resto nada de novo, espero que esteja tudo bem com vocês.

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Postado por Nany às 1/06/2009 01:02:00 da tarde 6 comentários Links para esta postagem
Não gostei nada.....

...do tom nostálgico do post anterior, até porque início de ano assim não é nada bom. Mas o tom tinha razão de ser, comecei o ano a estoirar a máquina de roupa, irra que fiquei super chateada.
Agora estou mais conformada mas mesmo assim.
Decidimos mudar as janelas da casa e a preço de amigo sem IVA foram 2100€ divididos em 3 prestações. Está bem que são janelas boas, vidros duplos, estores térmicos e feitas numa empresa de muitíssima confiança. Não é bem o factor €€€€€ das janelas, porque tudo se paga e sou da opinião que a casa em que vivemos, tem de estar na medida dos nossos gostos/posses confortável. Tivemos também obras no prédio, que bem precisava pois existiam várias queixas a nível de infiltrações (eu tenho a parede da janela da sala a descascar por causa disso, ainda por arranjar e a casa de banho com humidade vinda sei lá de onde pois o pior é na parede da empena e está à espera de uns trocos para descobrir o que se passa) e lá se foram mais uns valentes €€€€. Isto associado a gastos com farmácia, despesas normais, época natalícia, ordenados que se sabe, ao esquentador também se ter reformado e agora a ter uma despesa destas ainda para mais no mês de aniversário do Pedrocas..........pois.....................estão bem a ver como fiquei.
Mas pronto, já está, até porque tristezas não pagam dívidas e temos que trabalhar e andar em frente. Pelo menos Deus esteve connosco e apesar do estoiro (a parte electrica/motor foram-se) não aconteceu mais nada.
Mesmo assim e como não quero post negativos deixo um texto bem mais lindo que encontrei na net, desconheço a autoria mas adoro ler e reler:

Alguém disse …
… que um filho está no ventre durante nove meses; esse alguém não sabe que um filho está no coração por toda a vida.
… que seis semanas depois de se dar à luz se volta à normalidade; esse alguém não sabe que depois de se dar à luz não existe normalidade.
… que se aprende a ser mãe instintivamente; esse alguém nunca foi às compras com uma criança de três anos.
… que ‘bons pais’ fazem ‘bons filhos’; esse alguém pensa que as crianças vêm com manual de instruções e garantia.
… que as ‘boas’ mães nunca gritam; esse alguém nunca viu o filho quebrar a janela do vizinho com a bola.
… que não é necessário uma boa educação para se ser mãe; esse alguém nunca ajudou o filho a estudar matemática.
… que não se pode amar o quinto filho como o primeiro; esse alguém não teve cinco filhos.
… que não se pode encontrar nos livros todas as respostas às perguntas sobre como criar filhos; esse alguém nunca teve um filho que colocou um feijão no nariz.
… que o mais difícil de se ser mãe é o parto; esse alguém nunca deixou o filho no primeiro dia de creche.
… que uma mãe pode fazer o seu trabalho com os olhos fechados e uma mão atada atrás das costas; esse alguém nunca organizou uma festa de aniversário para a sua filha.
… que uma mãe pode deixar de se preocupar com os filhos quando se casam; esse alguém não sabe que o casamento agrega genros e noras ao coração de uma mãe.
… que o trabalho de uma mãe termina quando o último filho sai de casa; esse alguém não tem netos.
… que uma mãe sabe que o seu filho a ama, por isso não é necessário dizer-lhe; esse alguém não é mãe.
… que uma mãe não necessita da compreensão e do ‘eu gosto muito de ti’ de um filho; esse alguém não é filho.”

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Postado por Nany às 1/05/2009 02:01:00 da tarde 4 comentários Links para esta postagem
Ano Novo, Vida Nova

É o que se costuma dizer, embora se façam várias resoluções, se tomem muitas decisões a verdade é que nada muda, só o ano.
O passado já lá vai e este começou com uns precalços, mas como não quero começar com post desse tipo hoje conto apenas que o meu ano passou-se na companhia do marido, mãe e do mais que tudo o Pedrocas.
Por sinal, os 2 anos são mesmo os terríveis. Está reguila reguila, adora subir às mesas, refilar, quer fazer tudo sozinho e tenho de conversar/convencer-lo a mudar de roupa, ir para o banho (adora lá estar, não quer sair e aprendeu a molhar quem lhe estiver a dar banho), mudar a fralda, etc e tal. Fala, fala, fala, para dormir está do piorio e quer que me deite sempre com ele para continuar a festa, só ontem demorei 2 horas a adormecê-lo, perguntava por tudo e todos: pelos amigos, pela família, pelo cão, gato, piu-piu, carro grande/pequeno, sopa, massa, carne sempre para eu lhe responder que estava no ó-ó.
Adora tudo o quanto sejam patifarias, é muito curioso, quando quer uma coisa quer e pronto. É mesmo de ideias fixas. Mesmo assim é o menino mais lindo do mundo, o meu AMOR maior e mais doce, o filho que tanto pedi a Deus.
Está um autêntico espectáculo. Se ralho com ele diz que é "ta-tau rabo", olha para a árvore de Natal e diz que a "ave do Pedo pica" (pisca). Fala muito, tem autênticas conversas e fica chateado se não o entendemos.
No dia 1 Janeiro arrumei em malas a roupa que o Pedrocas já não usa e fui uma viagem nostálgica em vários sentidos. Um misto de felicidade e tristeza, a felicidade de ter um filho maravilhoso e a tristeza de o tempo passar tão depressa e sentir que não estou provavelmente a aproveitar ao máximo.
Bem, estas conversas ficam para depois.
Beijos
 

O Meu Cantinho Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Sponsored by Emocutez